Sokushindo é a mais antiga tradição de reflexologia no Oriente. “Soku” significa pé ou perna. “Shin” significa coração, centro, núcleo, a parte mais importante de algo. “Do” significa caminho e indica uma disciplina completa. De acordo com a tradição, o Sokushindo teria sido criado na Índia e teria sido ensinado pelo próprio Buddha, que criou um mapeamento e métodos, como mostrado em uma imagem de pedra esculpida com seu mapa e com seus ensinamentos no Templo Yakushi, no Japão.
O núcleo teórico do Sokushindo é principalmente baseado no significado destes símbolos esculpidos. Por volta do ano 40 A.C. o Budismo adentrou na China através de viajantes que trouxeram grandes quantidades de conhecimento, e isso incluiu a ciência dos pés de Buddha. Pouco a pouco esta ciência se combinou com os conceitos medicinais chineses, tais como Yin-Yang, a teoria dos cinco elementos, os meridianos, os métodos de diagnósticos orientais, etc. A mais antiga referência na China sobre os pés de Buddha se encontram no Clássico do Imperador Amarelo, em seu Tratado de Medicina Interna, onde esta prática é chamada de Kanshi Ho (método de diagnóstico dos pés).
Estes ensinamentos teriam encontrado o caminho para o Japão entre os séculos V e VI através dos monges guerreiros que passaram este conhecimento em templos no Japão. Em algum ponto na história japonesa, um renomado doutor chamado Kada, introduziu o Sokushindo como uma disciplina separada por direito próprio. Kada adicionou elementos como o uso de óleos para as técnicas de massageamento e técnicas da tradição Anma. As técnicas de Kada eram mantidas em segredo e muitas ramificações desta tradição foram passadas dentro de certas famílias japonesas. Esta tradição é, hoje em dia, parte da medicina popular no Japão.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *